quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

09 de Dezembro - Dia da Bíblia

A Bíblia é o livro dos paradoxos: é o livro mais lido e o mais desconhecido. É o mais amado e o mais odiado. É o livro mais obedecido e o mais escarnecido. É o mais pregado e o mais combatido.

A Bíblia tem sido o farol de Deus na escuridão da história. Ela é o farol que orienta o nauta. Ela é o mapa que norteia o caminhante. A Bíblia é o coração de Deus aberto. É o braço de Deus estendido. É a vontade de Deus declarada. Na Bíblia, os céus e a terra se abraçam. O infinito toca o finito. O eterno invade o temporal. O divino e o humano se encontram.

A Bíblia é a espada do Espírito – poderosa arma de combate contra as hostes inimigas que conspiram contra nós, que com sutilezas vis tentam nos arrastar na correnteza do pecado e nas seduções do mundo.

A Bíblia é o bisturi de Deus que corta e amputa os tumores infectos da alma e os abscessos do coração. A Bíblia é o fogo que consome os entulhos da nossa vida e queima a pragana que suja a nossa alma. É o martelo que quebra as nossas resistências e a dureza pertinaz do nosso coração.

A Bíblia é o livro de Deus. É o livro do céu. É o livro dos livros. É o livro acorrentado que tem trazido livramento. É o livro queimado nas fogueiras que tem tirado vidas das chamas do inferno. É o livro odiado que tem ensinado o perdão. É o livro que aponta para a salvação.

Fonte: Revista Vida Cristã, n° 217

Um comentário:

Lane disse...

Jesus é a verdade que liberta. É a salvação que na BÍBLIA está revelada. A Bíblia é a palavra que nos ensina os desígnos de Deus.
Gostei muito do poema escrito sobre a Bíblia e desejo muitas bênçãos do Senhor Jesus Cristo ao autor desta mensagem.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...